Buscar
  • italoth8

ANSIEDADE E SUA RELAÇÃO COM O COMPORTAMENTO SOCIAL



Você já se achou ansioso(a)? Sabe como funciona a Ansiedade e como ela se relaciona positiva e negativamente com nossos comportamentos e relações sociais?

Pois saiba que entender a ansiedade e como ela se desencadeia em cada um de nós é uma necessidade na hora de treinarmos e melhoramos nossas habilidades sociais.

Todos nós em algum momento já sentimos ansiedade, uns mais e outros menos, mas todos já experimentaram essa sensação, que em muitas situações nos salva mas em outras situações só nos atrapalha.

Cerca de 33% da população mundial sofrem com a ansiedade, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). No Brasil no ano 2000 foram vendidos cerca de 71.000 caixas de remédio para ansiedade, em apenas 10 anos esse número aumentou 1400%, ou seja, em 2010 os brasileiros consumiram aproximadamente 2 Milhões de caixas de remédio para ansiedade.

Se você quer entender melhor a Ansiedade, como controlá-la para melhorar suas habilidades sociais segue lendo comigo esse artigo.


MAS AFINAL, O QUE É ANSIEDADE?

A ansiedade é um sentimento que mistura medo + desconforto + preocupação + vergonha + insegurança. Está muito relacionada a algo que pode acontecer (futuro), fazendo com que a pessoa deixe, muitas vezes, de viver o presente por tentar antecipar algo que ainda não aconteceu.

Fazendo um paralelo com o reino animal, a ansiedade é fundamental para que os animais fiquem em alerta para os possíveis perigos que a natureza oferece, fazendo com que eles se preparem para fugir ou lutar.

Imagine uma zebra andando na selva. Se ela andar distraída, as chances de um leão caçá-la são grandes, entretanto, se ela estiver em estado de alerta, ao ouvir pegadas ou o barulho das folhas de um arbusto, ela irá se preparar para fugir, aumentando assim sua chance de sobrevivência. Por isso a ansiedade também não pode estar a zero.

A grande diferença da ansiedade que os animas sentem para as que as pessoas sentem é que os nossos pensamentos tem a capacidade de criar perigos imaginários, ou seja, perigos que não são reais, são frutos da nossa imaginação.

Assim como no reino animal, a ansiedade tem seu papel fundamentais para as pessoas, seja para ter cuidado ao atravessar uma rua, se preparar para uma prova ou ficar em alerta ao andar por uma rua escura e deserta. O problema surge quando essa ansiedade passa a tomar conta da vida da pessoa dominando a maior parte do seu dia, surgindo inclusive em situação que não oferecem nenhum perigo, como passear no shopping ou estar entre amigos e familiares.


A ANSIEDADE E NOSSO COMPORTAMENTO SOCIAL


Assim podemos ver que a ansiedade faz parte da vida de todos nós, em diversos momentos, manifestando-se inclusive nos nossos comportamentos, como roer unhas, mexer nas mãos, balançar o pé entre outros.

Como já foi dito, a ansiedade só passa a se tornar um problema quando passa a controlar o nosso dia a dia e impedir que façamos coisas que fazíamos antes com tranquilidade.

Entretanto ela também pode e deve se utilizada a nosso favor. A partir do momento que temos consciência da ansiedade, das suas causas e efeitos, devemos aproveita-la para converter a sua energia ao nosso favor.

Ao invés de ficarmos roendo a unha antes de uma entrevista ou apresentação, devemos utilizar essa energia para nós preparar melhor para a entrevista ou apresentação.

"Nesses momentos a ansiedade é como uma cadeira de balanço, te dá alguma coisa para fazer mas não te leva a lugar nenhum."

Quando temos consciência dos nossos comportamentos e das interferências que a ansiedade pode causar fica muito mais fácil contornar o problema.

O Treinamento de Habilidade Social é uma ferramenta que a psicologia utiliza que nós permite conhecer melhor nossos comportamentos e melhor adapta-lós para cada situação, aumentando nossas chances de ser mais assertivos, ou seja, se sair bem na apresentação ou conseguir a vaga de emprego, por exemplo.

Clique aqui para ler também meu artigo sobre Treinamento em Habilidades Sociais para carreira.


ORIENTAÇÕES DE UM PSICÓLOGO SOBRE CONTROLE DE ANSIEDADE

Por maior que seja a ansiedade, ela pode ser controlada. A ansiedade não deve ser encarada como uma inimiga ou vilã, ela é parte integrante do ser humano e tem seu papel fundamental na nossa sobrevivência e permite que nós preparemos para diversas situações.

Entretanto no momento que ela perde o controle e passa a dominar o nosso dia, impedindo a execução de tarefas ditas simples, é preciso ser feito algo para que ela volte a sua normalidade.

Por exemplo no mundo competitivo em que vivemos, precisamos estar alertas para responder as demandas (seja no âmbito profissional ou pessoal) com motivação, firmeza e assertividade, somos cada vez mais cobrados por isso. E se não temos esse grau de ansiedade positiva, que nós mantem em alerta, não conseguimos estar preparados. Já por outro lado se temos ansiedade de mais ou na hora errada estragamos tudo.

É importante saber que hábitos simples de alimentação, sono e atividade física, podem interferir tanto positivamente como negativamente na nossa ansiedade.


1

MENTE SÃ, CORPO SÃO:

CUIDE DE SUA ALIMENTAÇÃO

Assim como faz bem para nosso corpo, comer frutas e legumes, também faz bem para nossa mente. Manter um cardápio saudável, evitando produtos com aditivos químicos, corantes, conservantes, cafeina e energéticos, que podem deixar a pessoa mais ansiosa, é fundamental para controlar a ansiedade.

Substitua os refrigerantes e cafés por sucos naturais, troque os alimentos industrializados por frutas e legumes, assim você aumenta a sua imunidade contra doenças e ainda fica mais tranquilo.

DICA THS:

Analise bem se o alimento que irá consumir irá te ajudar nos próximos eventos sociais que precisa participar.

2

LEMBRE-SE COMO FUNCIONA A ANSIEDADE

Ansiedade é uma sensação de excitação do sistema nervoso central, resultante de uma interpretação de perigo. Ou seja, é uma maneira que o corpo encontrou de antecipar uma situação, preparando-se para o perigo e para ter melhor controle sobre essa situação.

Em uma situação/sensação de perigo (real ou imaginário), o sistema nervoso central libera hormônios como a adrenalina e noradrenalina, causando a aceleração do coração (preparando o corpo para luta ou fuga), dilatação dos brônquios (para captar mais oxigênio) e dilatação das pupilas (para visualizar melhor o perigo).

DICA THS:

Pratique exercícios de respiração. Realizar exercícios de respiração permite com que o corpo vá entendendo que a sensação de perigo não é real e vá diminuindo aos poucos o estado de alerta

3

PRATIQUE EXERCÍCIOS

Pode até parecer clichê, mas fazer atividade física faz muito bem, não só para o corpo, mas para mente também. A prática de exercícios físicos além de movimentar o corpo, liberam as endorfinas, que são substâncias liberadas no cérebro que provocam a sensação de bem-estar e motivação.

A prática de atividade física permite uma série de benefícios, como: aumento da disposição do corpo devido ao aumento do metabolismo, regula a pressão arterial, aumenta o condicionamento físico do corpo, melhora o sono, melhora o humor além dos benefícios estéticos que aumentam a autoestima.

DICA THS:

Se permita experimentar várias atividades físicas até encontrar uma que se identifique. Lembre-se, até mesmo um maratonista começa com pequenos passos, então comece bem aos poucos e vá gradativamente progredindo na prática esportiva.

4

CUIDE DO SEU SONO

Dormir, para alguém que estar com ansiedade pode ser uma tarefa bem complicada. Quem dorme pouco não consegue repor as energias para o dia seguinte, ficando cada vez mais cansado e ansioso, podendo acarretar em problemas de saúde e aprendizado.

Da mesma forma que cuidados da higiene do nosso corpo, precisamos cuidar da higiene do nosso sono. Confira algumas dicas de como cuidar do sono:

  • Determine o horário que irá dormir e acordar.

  • Não durma mais que 45min no período da tarde.

  • Evite ingerir bebidas alcoólicas ou fumar quatro horas antes de dormir.

  • Evite cafeína e refrigerante 6h antes de deitar.

  • Opte por alimentos leves antes de dormir.

  • Realize atividade física regularmente, mas evite fazer a noite.

  • Use roupas confortáveis para dormir.

  • Mantenha o quarto em uma temperatura agradável.

  • Apague todas as luzes (tv, celular, abajur).

DICA THS:

Evite levar trabalho ou ficar assistindo televisão na cama. Assim sua mente fica condicionada a entender que quando você vai para cama é para dormir, o que faz com que o sono venha com maior facilidade.

CONTE COM A AJUDA DE UM PROFISSIONAL DE PSICOLOGIA


A ansiedade é algo que faz parte da vida de todos, como já foi dito ela tem papel importante em nossa vida. E é normal termos ansiedade quando o momento nos exige grande desenvoltura em habilidades sociais, o problema acontece quando ela perde o controle e passa a interferir negativamente em nosso dia a dia.

É comum só buscar ajuda em momentos de crises de ansiedade ou quando os sintomas físicos já atrapalham bastante nossa vida. Entretanto a melhor forma de cuidar de uma desordem emocional é procurando um profissional assim que a ansiedade começar a incomodar, até porque uma vez que ela esteja instalada desse modo, ela tende a gerar ainda mais ansiedade, como por exemplo o medo de ter outra crise de ansiedade.

Não espere a ansiedade controlar a sua rotina te impedindo de fazer as coisas que gosta por medo de ter outra crise ansiosa. Faça uma pesquisa, busque um profissional psicólogo que possa te ajudar a entender e transformar seu comportamento. E se estiver sem tempo ou não quiser sair de casa conheça o atendimento online por vídeo-consulta.

Ansiedade não é um bicho de sete cabeças e não é vergonha nenhum falar sobre ela, então compartilhe esse artigo com seus amigos e familiares, você pode ajudar muita gente.

Quer saber mais? Comente sua questão que te responderei

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo