Buscar
  • italoth8

O QUE REALMENTE É IMPORTANTE?




Recentemente por indicação, comecei a ler um livro chamado O Livro da Bruxa, uma história extremamente envolvente, que te faz refletir muito sobre diversos aspectos da vida.

Um dos métodos utilizados pelo autor para nos fazer refletir é a utilização de contos.

Resolvi transcrever um desses contos aqui para poder apresentar a minha singela reflexão.

""Você conhece a história do executivo que decidiu tirar uma semana de férias numa vila de pescadores?" ela perguntou. "Acho que não. Conte," pedi.

"Ele gostava do mar e desejava sossego. Então, alugou uma modesta cabana numa vila de pescadores e partiu para lá com seu carro abarrotado de mantimentos. Uma semana sem fazer nada, longe do estresse diário, sem celular nem televisão, apenas vivendo no paraíso.

"No primeiro dia, ele acordou bem cedo, pegou a esteira, o guarda-sol, passou protetor solar e foi à praia. Ainda estava arrumando tudo na areia quando viu seu vizinho pela primeira vez. Era um pescador local. Tinha a pele bronzeada, uma aparência saudável e, apesar dos cabelos brancos, um corpo jovial. O pescador colocou uma canoa na água, remou até passar a formação das ondas e jogou a rede. Ao puxá-la, vieram uns cinco ou seis peixes. Ele escolheu dois e devolveu os outros ao mar. Voltou com o barco, guardou os peixes e passou o resto do dia passeando pela praia. No dia seguinte, a mesma cena se repetiu.

"Curioso com o comportamento do vizinho, o executivo não resistiu e abordou-o quando ele retornava do mar.

'Desculpe-me a intromissão, mas por que você joga a maioria dos peixes que pesca de volta ao mar?' perguntou o executivo.

'É porque eu só preciso de dois: um para o almoço e outro para o jantar,' respondeu o pescador.

"O executivo ficou inconformado com tamanha ignorância.

'Ah, meu amigo! Você está fazendo errado. Deve trazer todos os peixes, assim poderá vender aqueles que não irá comer,' ele disse.

'Por que?' perguntou o pescador.

'Porque com o dinheiro da venda dos peixes você poderá comprar uma rede maior e pegar ainda mais peixes.

' O pescador coçou a cabeça. 'E o que eu faria com mais peixes?'

O executivo suspirou. 'Você não vê? Vendendo mais peixes você poderá comprar um barco melhor e pescar mais... Então poderá comprar outro barco e contratar pessoas. Seus barcos poderão pescar em alto-mar, e assim você ganhará mais e mais dinheiro.

' O pescador pensou um pouco antes de perguntar: 'É mesmo?'

O executivo sorriu. 'Claro! E quando você tiver bastante dinheiro não precisará mais trabalhar. Já pensou? Se quiser poderá ficar descansando na praia o dia todo sem fazer nada.'

Ainda sem entender, o pescador franziu a testa. 'Pois é, mas isso eu já faço pescando só dois peixes por dia,' concluiu.""

Quantas vezes não ficamos focados em acumular cada vez mais e mais pensando em um conforto futuro, em passar mais tempo com a família e ter mais lazer mas não percebemos que podemos ter tudo isso nesse exato momento.

Quantas vezes você já não fez horas extras no trabalho para conseguir mais dinheiro para poder passar mais tempo com a família, mas não percebeu que estava abrindo mão de passar mais tempo com a família para fazer horas extras no trabalho?

Devemos avaliar melhor quais realmente são nossos objetivos e nossas prioridades.

Priorizar as coisas erradas além da perda de tempo pode nos trazer #Ansiedade , #Estresse , #Preocupação e outras comorbidades.

Um dos papéis da psicologia é ajudar a identificar quais são suas verdadeiras prioridades.

Busque um psicólogo.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo